Polícia caça bandidos que balearam 7 pessoas em tentativa de chacina no Pirambu

Vários pacientes baleados lotaram a Emergência do IJF

A Polícia Militar continua em buscas no bairro Pirambu, na zona Oeste de Fortaleza, para  identificar e prender os dois atiradores que praticaram uma tentativa de chacina na noite deste domingo (5).  Sete pessoas – sendo cinco homens e duas mulheres – foram baleadas por volta das 19 horas, na esquina da Avenida Pasteur com a Rua Marcílio Dias, a apenas um quarteirão da Avenida Presidente Castello branco (a Leste-Oeste), uma das mais movimentadas da Capital.

De acordo com a Polícia, dois homens em uma motocicleta foram os responsáveis pelo atentado. A Coordenadoria Integrada de Operações de Segurança (Ciops) recebeu a primeira ligação exatamente às 19h03, momento em que um clima de pânico se instalou no local com várias pessoas baleadas estendidas nas calçadas. Rapidamente, patrulhas do 20º Batalhão da PM (Cristo Redentor) chegaram ao local do tiroteio.

No momento da chegada da primeira equipe da PM no local havia apenas uma mulher ainda no aguardo de socorro. As demais foram socorridas por meios próprios, isto é, em carros particulares e táxis, com a ajuda dos vizinhos. A PM socorreu a vítima que apresentava tiros nas pernas.

Baleados

No Instituto Doutor José Frota (IJF-Centro), deram entrada na Emergência,  com ferimentos a tiros e procedentes do local do atentado, no bairro Pirambu,  as seguintes pessoas: Wellington Vítor do Nascimento, Fabiana Alves da Silva Tavares, Mateus Cauã da Silva, Walcir Jardelino do Nascimento, Geisse Henrique da Silva, Gilson da Silva Gonçalves e Luís Felipe Margareth de Sousa.  Ao menos, dois deles estavam em estado grave.

A Polícia não tem dúvidas de que o atentado está ligado à guerra de facções no bairro.

Outro caso

Na noite da última sexta-feira (3), dois irmãos foram baleados e outras quatro pessoas ficaram feridas em uma tentativa de chacina ocorrida na localidade de Barrocão, no Município de Itaitinga, na Região Metropolitana de Fortaleza (RMF).

Bandidos armados chegaram ao Campo do Dedé, por volta de 20 horas, e passaram a disparar tiros contra as pessoas que estavam no local. Após a fuga dos atiradores, foram encontrados os corpos dos irmãos Jair Gregório do Nascimento, 28 anos; e Josivan Gregório do Nascimento, 31.  Os dois seriam, supostamente, chefes de uma facção que vinha comandando crimes na região.  Outras pessoas baleadas foram socorridas para a Capital.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *